MENSAGENS

 

MENSAGENS DO PROFESSOR LAIRI HANS

 

 

“Se vocês derem a vossa migalha, é uma a menos que vai sofrer”

 

“Então é preferível dar a mão ou receber? Dar a mão.”

 

“Quanto é bonito vocês chegarem e olharem para vossos filhos e dizerem: meu filho, que bom que você tem o agasalho. E que bom foi eu ter dado também um agasalho para essas crianças. Porque, na realidade, todos são irmãos. Na realidade, são todos filhos de um só Pai. E o Nosso Pai não gosta que se desagasalhe os outros filhos. Por que ficar um agasalhado e outro não? Vamos trabalhar! Vamos lutar por uma só causa: o amor ao próximo!”

 

“A doação é um sorriso, é uma paz. A paz em poder dar para você e para os teus irmãos.”

 

“O amor vence todas as barreiras. Não existe o que o amor não vença.”

 

“A felicidade você só encontra quando você parar de pensar somente em você. É como uma camada que sai de dentro de você e volta outra camada de luz, volta uma camada de amor, de bondade. São tão pequenas coisas que podem tantas coisas maravilhosas a vocês.”

 

“Senhor, eu peço um foco de luz na cabeça de Vossos filhos da Terra, para que neles tenha a Vossa mensagem, que é a fé, a paz, o amor, a bondade, a caridade, o amor ao próximo, a humildade”

 

“Vamos doar tudo isso que está dentro de nós aos doentes que tanto necessitam. Vamos doar alegria também aos velhinhos que se esqueceram de sorrir. Vamos doar às criancinhas a alegria de saber amar. Vamos doar, meu Pai, Vós. A todos esses espíritos, para que aqueles que estão no escuro, que se abra uma luz. Para aqueles irmãos que choram, que passem a sorrir. Para aqueles irmãos tristes, que seja o sorriso. Senhor, dai as vossas mãos a todos nós aqui da Terra, para podermos crescer, porque somo tão impuros, tão pequenos, tão fracos. Que possamos crescer junto a Vós, com as Vossas mãos nos iluminando.”

 

“O que nós podemos fazer pelo Nosso Pai? O amor ao próximo, que é dar a fatia de pão para aqueles pequeninos que o Jesus diz: vinde a mim os pequeninos, porque eles se chamam Amor.”

 

“O amor te eleva. O amor te purifica, o amor você vai levando pela estrada, até o fim dela. E você necessita dele. É amar os vossos irmãos, é amar uma criança, um velho, um animal. É amar a vida. A vida. A vida que tem que ser vivida com alegria, nunca com tristeza.”

 

“Levem sempre, cada um de vocês, na mão direita esse pássaro tão bonito (que representa o amor). Esse pássaro que só de olhar já te dá alegria. E vamos levar na mão esquerda essa linda flor (que representa a paz e a fé). Pois são os dois símbolos do Nosso Pai, que Ele deixou na Terra. Eles são a fé, o amor e a paz. E juntos eles têm um significado: o amor eterno!”

 

“Eu sei que o dia-a-dia dessa jornada na Terra não é fácil. Tem coisas ruins e coisas boas. Um dia uma ruim, mas no outro dia, já tem um sorriso. Porque o Nosso Pai não dá só a lágrima, Ele dá muitos sorrisos. Então não fiquem com medo do dia de amanhã. Porque amanhã pode ser sorriso. E se vier a lágrima, aceite e vá em frente. Porque depois de amanhã virá o sorriso.”

 

“Cuidem de vocês, pois a jornada é pequena. Façam do vosso dia sempre um dia muito feliz. Sorriam! Sorriam muito! Porque amanhã virão mais sorrisos. E não lágrimas. Deixe as lágrimas para a Terra. Vamos achar a vida bonita, porque ela é bonita.”

 

“Não condene para não ser condenado. Porque ser condenado é muito triste. E não vamos perdoar porque nós não somos o Nosso Pai. Nós devemos desculpar. Perdoar, só tem um que perdoa e é o Nosso Pai. E Ele sempre dá o perdão aos filhos merecedores do amor Dele.”

 

“Nós dizemos a fatia do pão, mas é a fatia da doação. Agora, o pão de cada dia é o teu alimento, é o pão que o Nosso Pai te dá. A fatia de pão é a doação. E através dessa doação, vocês receberão muito mais do que essas fatias que vocês dão.”

 

“É tão bonita a humildade. A humildade não é a fraqueza. A humildade é fortaleza. Só assim, com essa humildade é que vocês vão curar as vossas cicatrizes para a próxima vinda aqui. Sem a humildade, as vossas cicatrizes serão sempre abertas.”

 

“Façam dos vossos lares o lar sagrado. Façam dos vossos lares o lar da compreensão. Saibam falar com as vossas esposas e com os vossos maridos, com amor. Não é com “mandança”. Aqui na Terra ninguém é dono de ninguém. É o Nosso Pai o dono. Falem bonito, falem com amor.”

 

“Vivam felizes nos vossos lares, cantem, escutem um pássaro cantando, escutem uma criança chorando. Sorriam para os vossos filhos, para os vossos companheiros. Não façam dos vossos lares um ninho de veneno, porque o veneno vai se alastrando, alastrando, alastrando, deixando apenas a tristeza e o negativo.”

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

© 2015 Morada Espírita Prof. Lairi Hans